Zé Urbano

Loading...

domingo, 2 de novembro de 2008

CONTA-GOTAS


Porque não mentes
tudo de uma só vez.
Dizes que me amas
cada vez que me vês.
Como um conta-gotas,
uma vez por mês...






Um comentário:

SIMONE GOIS disse...

Fernando,

Ouvi suas música menino, que beleza, muito bom mesmo! parabéns! as que eu gostei mais foram MEU CORAÇÃO TEU e HOJE ESTOU TÃO SÓ, amei de paixão.
Esse poeminha me dá uma dorzinha no coração.
beijos
simone

Ah!
olha, cê vc tiver um tempo e inspiração põe música nesta letra pra mim, pode ser ou tô pedindo demais, hs hs hs hs, pode ser sincero tá!


ME CONVIDA

Foi por isso que te dei um beijo
Tua boca boa
Me convidou,
Ontem amor, hoje desejo,
Foi menta fresca, manhã à toa.

Tanto calor,
Que desassossego,
Vem meu amor,
Agora me beija,

Teu cheiro bom
Que não se explica,
Banco de praça
Banho de bica.

Vem, não se complica,
Corpo moreno
Vestido de chita,
Tua boca boa
É que me convida.

(simone gois)